Morre o ex-vice-prefeito do Jaboatão, Ricardo Valois

Saiba mais informações clicando no link

Morre o ex-vice-prefeito do Jaboatão, Ricardo Valois
Faleceu, na noite desta quinta-feira (12), o ex-vice-prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Ricardo Cézar Valois de Araújo, aos 66 anos de idade, após lutar contra um câncer durante 13 anos. Ele estava no Hospital da Unimed, no Recife, há cerca de um mês, mas a situação agravou devido a uma infecção urinária. Ricardo Valois nasceu no Jaboatão, no dia 23 de novembro de 1956, e deixa a esposa Rosário Mergulhão Valois, os filhos Ricardo e Raphaela, e quatro netos. O corpo do ex-vice-prefeito será velado no Cemitério Memorial Guararapes, no Jaboatão, a partir das 10h desta sexta-feira, e a cremação está marcada para as 15h, numa cerimônia reservada para a família.

Ricardo Valois exerceu dois mandatos de vereador por Jaboatão, entre os anos de 2009 e 2016. Neste período, foi primeiro-secretário e presidente da Câmara Municipal. Nas eleições municipais de 2016, não concorreu à reeleição, sendo eleito vice-prefeito na chapa encabeçada por Anderson Ferreira, pelo PR (atual PL), mandato que cumpriu até 2020. Com a reeleição de Anderson, Valois foi chefe de gabinete da Prefeitura e vinha ocupando o cargo de assessor especial do prefeito Mano Medeiros.

Antes de entrar na carreira político-partidária, Ricardo Valois dedicou parte da sua vida ao Clube Náutico Capibaribe. No time do coração, foi vice-presidente em 2001, quando o alvirrubro conquistou o título de campeão estadual do centenário, e presidente entre 2004 e 2007. Na sua gestão, o Náutico sagrou-se campeão pernambucano, em 2004, e subiu para a primeira divisão do Campeonato Brasileiro em 2006, onde permaneceu em 2007. Além de político e apaixonado pelo Náutico, Ricardo Valois atuava no ramo da construção civil. Ele era respeitado e conhecido nos meios político, do futebol e empresarial por sua cordialidade, seriedade e ética.

O prefeito Mano Medeiros lamentou a morte do amigo Ricardo Valois, com quem trabalhou nos últimos oito anos. “Além de muita saudade, Valois deixa um legado de intensa dedicação ao setor público, em especial para Jaboatão, onde foi vereador, vice-prefeito e ocupou cargos que lhe deram oportunidade de realizar grandes ações em prol da população. Valois também deixa o exemplo de amor pela vida. Mesmo nos momentos mais difíceis, sempre se mostrava bem humorado e disposto a continuar trabalhando. A certeza que fica é que Ricardo Valois cumpriu sua missão e deixou a sua marca de seriedade, ética e trabalho”, falou o gestor.

COMENTÁRIOS