Deprecated: Hook custom_css_loaded is deprecated since version jetpack-13.5! Use WordPress Custom CSS instead. O Jetpack não é mais compatível com CSS personalizado. Leia a documentação do WordPress.org para saber como aplicar estilos personalizados ao seu site: https://wordpress.org/documentation/article/styles-overview/#applying-custom-css in /home/u249530162/domains/blogpontodevista.com/public_html/old_blogpontodevista/wp-includes/functions.php on line 6078
Radar Político (18/10) – Partidos de olho na reforma do secretariado – Blog Ponto de Vista

Radar Político (18/10) – Partidos de olho na reforma do secretariado

Radar Político (18/10) – Partidos de olho na reforma do secretariado

Apesar de aparentar estar longe o período em que o governador Paulo Câmara deve iniciar a reforma no secretariado, atores políticos de vários partidos pertencentes a Frente Popular já estão atentos às possíveis mudanças. Comum em todo início de mandato, neste caso, de reeleição, a reforma no secretariado é um mecanismo utilizado pelo governador para ajustar a gestão na área administrativa e política. Fortalecido ao conquistar a reeleição contra o maior grupo de oposição já formado nos últimos 20 anos, Paulo Câmara entra no seu segundo mandato por cima, mas não ao ponto de achar dispensável algum partido ou liderança de expressão que compõe a Frente Popular, coalização que foi fundamental na sua recondução ao Poder Executivo Estadual. Por esta razão, a expectativa é de que os principais partidos de sua base continuem ocupando espaços importantes e significativos dentro da gestão, no entanto alguns setores do PSB defendem uma diminuição desta influência. Em reserva ao Blog, uma fonte informou que dentro do PSB há um sentimento de que o governador deveria realizar no mínimo um rodízio nas secretarias, principalmente as comandadas pelo PSD, PR , PP, além do PDT. Na mira estariam a Secretaria das Cidades e o Detran (hoje nas mãos do PSD), Secretaria de Transportes ( PR), Desenvolvimento Econômico (PP) e Agricultura e Reforma Agrária (PDT). A mesma fonte justifica que o rodízio serviria como uma mensagem para os aliados de que a segunda gestão será bem diferente da primeira. Há ainda dentro do PSB àqueles que defendem que as pastas e órgãos cedidos aos partidos aliados não deveriam ser de porteira fechada, mas sim serem divididos com socialistas, que por sua vez ocupariam espaços e cargos estratégicos. Ainda não se sabe qual caminho o governador irá tomar na reforma do secretariado, mas uma coisa é certa: Para não enfrentar resistência e boicote da base, terá que ser hábil o suficiente para agradar a gregos e troianos, caso contrário pode arrumar um problemão logo no início do ano. Na fila - O Solidariedade, do deputado federal Augusto Coutinho, espera ser contemplado com uma pasta para no primeiro escalão. Dentro do partido não faltam nomes com competência para contribuir com o Governo. Além do próprio Augusto, o SD tem o deputado estadual Alberto Feitosa, quadro que já ocupou a secretaria estadual de Turismo e recentemente a pasta de Saneamento na Prefeitura do Recife. Ninguém mexe – A Secretaria Estadual da Mulher é um dos poucos espaços do 1º escalão em que não são admitidas indicações de políticos para comandar. Há muito o espaço é reservado apenas para mulheres  engajadas com a causa feminista, a exemplo de Cristina Buarque e Silvia Cordeiro. Correndo por fora – Não é novidade alguma o desejo do deputado estadual Rodrigo Novaes (PSD) de assumir uma secretaria. Parlamentar de alto nível e conhecedor como poucos dos problemas do semiárido, Rodrigo seria um bom nome para a Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária. Embora tenha uma boa relação com o presidente estadual do seu partido, o deputado federal André de Paula, dificilmente Rodrigo seria indicado pelo PSD, sigla que deverá manter ao menos um espaço no secretariado com o próprio André ou um indicado de sua cozinha. Caso consiga ser secretário, a vaga será da cota pessoal do governador, por quem fez um esforço descomunal na campanha. Fortalecido - Após sair das urnas com uma expressiva votação em Bom Jardim, onde figurou como o candidato a deputado estadual mais votado no município, o ex-prefeito Miguel Barbosa (PP) se credencia para disputar mais uma vez a Prefeitura. Caso decida por concorrer, Miguel terá a chance de devolver a derrota que sofreu para o atual prefeito Joaquim Lira nas eleições de 2016 quando tentava a reeleição. De olho – Depois de não ter sido eleita deputada estadual porque o seu partido não alcançou o cociente eleitoral, Juliana Chaparral já é lembrada como opção para disputar um mandato de prefeita em 2020. Na mira estão Casinhas e Bom Jardim, municípios onde ela obteve uma votação expressiva nesta eleição. Com o esposo Cléber Chaparral prestes a se despedir do comando de Orobó, uma vez que já está no segundo mandato, Juliana pode encarar uma disputa majoritária em uma dessas cidades do Agreste Setentrional. Não perdem tempo 1 - A pouco mais de uma semana da eleição em que deram expressiva votação aos seus deputados, Sérgio Hacker e Isabel Hacker, prefeitos de Tamandaré e Rio Formoso respectivamente, estiveram ontem com o deputado Danilo Cabral em Brasília. Na pauta, investimentos para os municípios. Não perdem tempo 2 - Dada a relação de amizade e parceria política com o deputado federal, Sérgio e Isabel devem trazer na mala várias novidades, tudo porque Danilo Cabral é o reconhecidamente o parlamentar que mais enviou recursos para o litoral sul de Pernambuco. Bem na fita - O município de Sirinhaém, também administrado por um Hacker, está se tornando em um verdadeiro canteiro de obras. Como resultado da economia de recursos o prefeito Franz Hacker está realizando investimentos na casa dos milhões no município. As principais ações estão concentradas no calçamento e revitalização de ruas, construção de PSF, e reforma e modernização de um Mercado Público. Pegou mal - Ainda rende negativamente na ALEPE o festão que o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) fez em Santa Cruz do Capibaribe para comemorar a sua reeleição. Em tempo em que candidatos saem da disputa eleitoral com esgotamento de caixa, contratar o artista Bel Marques para comemorar vitória é privilégio para poucos. Na ALEPE ele já está sendo chamado de deputado ostentação. Na torcida - O defensor público Manoel Gerônimo, primeiro suplente de deputado estadual da coligação do PDT/PROS/ Avante, está na expectativa de assumir o mandato caso Zé Queiroz seja convocado para o primeiro escalão do Executivo Estadual. Atualmente o PDT comanda a secretaria de Agricultura e Reforma Agrária com Wellington Batista, indicado de Queiroz. Gratidão - Nesta sexta-feira (19/10) o governador Paulo Câmara promove, no Hotel Canarius, em Gravatá, um encontro para comemorar ao lado dos aliados a sua reeleição e também para reforçar o apoio a candidatura de Haddad à presidência.

Imagem- Ed Machado

Apesar de aparentar estar longe o período em que o governador Paulo Câmara deve iniciar a reforma no secretariado, atores políticos de vários partidos pertencentes a Frente Popular já estão atentos às possíveis mudanças.

Comum em todo início de mandato, neste caso, de reeleição, a reforma no secretariado é um mecanismo utilizado pelo governador para ajustar a gestão na área administrativa e política.

Fortalecido ao conquistar a reeleição contra o maior grupo de oposição já formado nos últimos 20 anos, Paulo Câmara entra no seu segundo mandato por cima, mas não ao ponto de achar dispensável algum partido ou liderança de expressão que compõe a Frente Popular, coalização que foi fundamental na sua recondução ao Poder Executivo Estadual. Por esta razão, a expectativa é de que os principais partidos de sua base continuem ocupando espaços importantes e significativos dentro da gestão, no entanto alguns setores do PSB defendem uma diminuição desta influência.

Em reserva ao Blog, uma fonte informou que dentro do PSB há um sentimento de que o governador deveria realizar no mínimo um rodízio nas secretarias, principalmente as comandadas pelo PSD, PR , PP, além do PDT. Na mira estariam a Secretaria das Cidades e o Detran (hoje nas mãos do PSD), Secretaria de Transportes ( PR), Desenvolvimento Econômico (PP) e Agricultura e Reforma Agrária (PDT). A mesma fonte justifica que o rodízio serviria como uma mensagem para os aliados de que a segunda gestão será bem diferente da primeira.

Há ainda dentro do PSB àqueles que defendem que as pastas e órgãos cedidos aos partidos aliados não deveriam ser de porteira fechada, mas sim serem divididos com socialistas, que por sua vez ocupariam espaços e cargos estratégicos.

Ainda não se sabe qual caminho o governador irá tomar na reforma do secretariado, mas uma coisa é certa: Para não enfrentar resistência e boicote da base, terá que ser hábil o suficiente para agradar a gregos e troianos, caso contrário pode arrumar um problemão logo no início do ano.

Na fila – O Solidariedade, do deputado federal Augusto Coutinho, espera ser contemplado com uma pasta para no primeiro escalão. Dentro do partido não faltam nomes com competência para contribuir com o Governo. Além do próprio Augusto, o SD tem o deputado estadual Alberto Feitosa, quadro que já ocupou a secretaria estadual de Turismo e recentemente a pasta de Saneamento na Prefeitura do Recife.

Ninguém mexe – A Secretaria Estadual da Mulher é um dos poucos espaços do 1º escalão em que não são admitidas indicações de políticos para comandar. Há muito o espaço é reservado apenas para mulheres  engajadas com a causa feminista, a exemplo de Cristina Buarque e Silvia Cordeiro.

Correndo por fora – Não é novidade alguma o desejo do deputado estadual Rodrigo Novaes (PSD) de assumir uma secretaria. Parlamentar de alto nível e conhecedor como poucos dos problemas do semiárido, Rodrigo seria um bom nome para a Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária. Embora tenha uma boa relação com o presidente estadual do seu partido, o deputado federal André de Paula, dificilmente Rodrigo seria indicado pelo PSD, sigla que deverá manter ao menos um espaço no secretariado com o próprio André ou um indicado de sua cozinha. Caso consiga ser secretário, a vaga será da cota pessoal do governador, por quem fez um esforço descomunal na campanha.

Fortalecido – Após sair das urnas com uma expressiva votação em Bom Jardim, onde figurou como o candidato a deputado estadual mais votado no município, o ex-prefeito Miguel Barbosa (PP) se credencia para disputar mais uma vez a Prefeitura. Caso decida por concorrer, Miguel terá a chance de devolver a derrota que sofreu para o atual prefeito Joaquim Lira nas eleições de 2016 quando tentava a reeleição.

De olho – Depois de não ter sido eleita deputada estadual porque o seu partido não alcançou o cociente eleitoral, Juliana Chaparral já é lembrada como opção para disputar um mandato de prefeita em 2020. Na mira estão Casinhas e Bom Jardim, municípios onde ela obteve uma votação expressiva nesta eleição. Com o esposo Cléber Chaparral prestes a se despedir do comando de Orobó, uma vez que já está no segundo mandato, Juliana pode encarar uma disputa majoritária em uma dessas cidades do Agreste Setentrional.

Não perdem tempo 1 – A pouco mais de uma semana da eleição em que deram expressiva votação aos seus deputados, Sérgio Hacker e Isabel Hacker, prefeitos de Tamandaré e Rio Formoso respectivamente, estiveram ontem com o deputado Danilo Cabral em Brasília. Na pauta, investimentos para os municípios.

Não perdem tempo 2 – Dada a relação de amizade e parceria política com o deputado federal, Sérgio e Isabel devem trazer na mala várias novidades, tudo porque Danilo Cabral é o reconhecidamente o parlamentar que mais enviou recursos para o litoral sul de Pernambuco.

Bem na fita – O município de Sirinhaém, também administrado por um Hacker, está se tornando em um verdadeiro canteiro de obras. Como resultado da economia de recursos o prefeito Franz Hacker está realizando investimentos na casa dos milhões no município. As principais ações estão concentradas no calçamento e revitalização de ruas, construção de PSF, e reforma e modernização de um Mercado Público.

Pegou mal – Ainda rende negativamente na ALEPE o festão que o deputado estadual Diogo Moraes (PSB) fez em Santa Cruz do Capibaribe para comemorar a sua reeleição. Em tempo em que candidatos saem da disputa eleitoral com esgotamento de caixa, contratar o artista Bel Marques para comemorar vitória é privilégio para poucos. Na ALEPE ele já está sendo chamado de deputado ostentação.

Na torcida – O defensor público Manoel Gerônimo, primeiro suplente de deputado estadual da coligação do PDT/PROS/ Avante, está na expectativa de assumir o mandato caso Zé Queiroz seja convocado para o primeiro escalão do Executivo Estadual. Atualmente o PDT comanda a secretaria de Agricultura e Reforma Agrária com Wellington Batista, indicado de Queiroz.

Gratidão – Nesta sexta-feira (19/10) o governador Paulo Câmara promove, no Hotel Canarius, em Gravatá, um encontro para comemorar ao lado dos aliados a sua reeleição e também para reforçar o apoio a candidatura de Haddad à presidência.

Escrito por Wellington Ribeiro – E-mail: blogpontodevistape@mail.com

COMENTÁRIOS