Deprecated: Hook custom_css_loaded is deprecated since version jetpack-13.5! Use WordPress Custom CSS instead. O Jetpack não é mais compatível com CSS personalizado. Leia a documentação do WordPress.org para saber como aplicar estilos personalizados ao seu site: https://wordpress.org/documentation/article/styles-overview/#applying-custom-css in /home/u249530162/domains/blogpontodevista.com/public_html/old_blogpontodevista/wp-includes/functions.php on line 6078
Rodrigo Novaes é eleito conselheiro do TCE – Blog Ponto de Vista

Rodrigo Novaes é eleito conselheiro do TCE

Saiba esta e outras informações sobre os bastidores da política clicando no link

Rodrigo Novaes

O deputado estadual Rodrigo Novaes (PSB) é o mais novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE). A eleição para o posto ocorreu na tarde desta terça (23), no Plenário da ALEPE. Novaes, que concorreu contra o deputado Joaquim Lira (PV) e o advogado Osvir Thomaz, vai ocupar o espaço que foi aberto pela aposentadoria da conselheira Teresa Dueire no último dia 15 de maio deste ano. Rodrigo obteve 30 votos, Joaquim Lira 18, Osvir 0 voto e 1 voto nulo.

Com 42 anos de idade, Rodrigo Novaes poderá ficar no TCE-PE até completar 75 anos no ano de 2055.

CONFIRA AINDA:

Álvaro Porto diz que forças ocultas atuaram na eleição do TCE tentando comprar deputados

BENEFICIADO – Com a eleição de Rodrigo Novaes para o TCE, o ex-deputado estadual Diogo Moraes (PSB) assumirá o mandato já que é o primeiro suplente do PSB.

CURRÍCULO DE RODRIGO NOVAES – Formado em Direito pela Unicap em 2002, advogado, ele apresenta em seu currículo experiência como deputado por 4 vezes, vice-prefeito, secretário de estado, gestor jurídico da secretaria de administração, e também o período em que ele exerceu a advocacia.

No documento, lista projetos de lei importantes de sua autoria, como a lei anticorrupção, o código de procedimentos processuais, código estadual de defesa do consumidor, estatuto da pessoa com câncer. Novaes foi autor do requerimento e presidiu as duas CPI’s que ocorreram na casa nos últimos 15 anos: a da telefonia móvel e das faculdades ilegais.

Rodrigo Novaes

COMENTÁRIOS